Mercado de orgânicos continua crescendo

Os orgânicos são produtos que respeitam a fauna, a flora e os seus produtores. Focam em entregar um produto livre de tecnologias, aditivos transgênicos e agrotóxicos. Dessa forma, eles não causam impactos ao meio ambiente e aos próprios produtores que estão envolvidos e em contato direto diariamente com as suas colheitas.

O consumidor, cada vez mais, está atrás de produtos orgânicos e produzidos de forma natural. É uma realidade e esse mercado continua em crescimento. Além disso, boa parte dos produtores já corre atrás de uma certificação para garantir os seus selos de qualidade.

 

Leia também: Certificação Orgânica: Motivos para você ter a sua

 

Mercado de orgânicos continua crescendo

 

Segundo uma pesquisa realizada pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), houve um crescimento de 10% no mercado de orgânicos entre o mês de maio de 2020 e de 2021, representando um acréscimo de 2,3 mil novos produtores.

 

Hoje o mercado de orgânicos, de acordo com o Cadastro Nacional de Produtores Orgânicos do Ministério da Agricultura, conta com 25,4 mil agricultores que cultivam os seus produtos sem a presença de agrotóxicos.

 

“A COVID-19 fez com que as pessoas valorizassem mais o consumo e produção de alimentos caseiros, orgânicos, produzidos por pequenos negócios” Segundo o analista de competitividade do Sebrae, Luiz Rebelatto.

 

Esse crescimento se deve a uma maior procura por uma alimentação saudável por parte do consumidor. Além disso, a tecnologia e a venda através de canais digitais tem sido um fator decisivo na hora da comercialização.

Os dados desse levantamento, são fortes indicadores para as mais diversas áreas do varejo, apontando como a tecnologia e o e-commerce são uma tendência e está gerando lucro para as mais diversas áreas. O consumidor continua mudando e os negócio devem acompanhar essas mudanças, ou seja, aqueles que não acompanharem serão parte do passado.

 

Leia também: Motivos para seu supermercado ter um e-commerce