Amazon X Alibaba: A promessa de entregas mais rápidas

O novo consumidor chegou e o mercado precisa atuar para atender às suas necessidades. Como foi dito no Podcast Instabuy, o novo consumidor não quer consumir da mesma forma que se fazia antes, presencialmente. Ele espera que qualquer produto que tenha vontade de comprar esteja disponível na internet e que a entrega seja feita o mais rápido possível. Dito isso, segundo a reportagem do Wall Street Journal, o Alibaba está desafiando a Amazon, fazendo a promessa de que irá realizar as entregas mais rápidas da China para qualquer lugar do mundo e pretende entregar os seus produtos em até 72 horas, para ampliar a sua participação no mercado.

 

Atualmente, a Amazon possui o serviço mais rápido disponível em 21 países, mas para isso é necessário um plano de assinatura, que pode variar de 13 US$ na Índia a 130 US$ no Reino Unido. Já o Alibaba, para economizar em sua manutenção de frota, conta com vários parceiros. A companhia pretende cobrar US$ 3 em sua taxa de assinatura para expandir o seu serviço. Atualmente, entrega em 190 países e somente em alguns está disponível a entrega com prazo de 72 horas sem taxa de envio.

 

Vale citar também, segundo o Mercado & Consumo, que a entrega rápida do Alibaba tem ganhado destaque. Atualmente a companhia investiu em 800 robôs no seu maior depósito na China. Além disso, estão testando entrega robótica para a última etapa da jornada, reduzindo custos e tempos.

 

O fato é: o mercado e a indústria precisam suprimir as demandas dos consumidores que a cada dia ficam mais exigentes com entregas mais rápidas, qualidade do serviço e atendimento humanizado e personalizado. Aqueles que não surfarem com a onda, serão arrastados pelo tsunami da revolução dos hábitos de consumo.

 

Artigos Recomendados

Leia também: Entenda o impacto do frete nas vendas online

Ouça nosso Podcast: [PODCAST] Varejo Online e Novo Consumidor